Tudo que você precisa saber sobre porcelanato

Decorati / Publicado em 05/10/2019

Compartilhe:

O porcelanato é um dos revestimentos queridinhos entre os arquitetos e os moradores de apê. Mas, na hora de escolher seu material, não é só isso que basta. 

Por isso, criamos esse texto para você conhecer as vantagens e tudo que você precisa saber para decidir se o porcelanato é o melhor revestimento para o seu apartamento. 

O que é porcelanato?

porcelanato

O porcelanato é um revestimento cerâmico perfeito para piso. Conhecido por sua grande resistência, é uma alternativa mais em conta para quem está procurando um material com a mesma qualidade que o granito, por exemplo. 

Quais são os tipos de porcelanato?

Porcelanato Técnico 

Esse tipo de revestimento não é muito encontrado nos lares brasileiros, mas nada impede de você aplicá-lo no seu apartamento. 

Ele apresenta toda sua aparência na mesma cor. Como a massa é homogênea, não é possível aplicar estampas e texturas no revestimento, mas o desgaste das peças não afeta a coloração. 

Por esse motivo, o Porcelanato Técnico pode ser encontrado em estações de metrô e em outros lugares onde há uma grande circulação de pessoas. 

Porcelanato Polido

Sabe aqueles porcelanatos que tem um brilho bem intenso? Eles são chamados de Porcelanato Polido, pois, no final do preparo da massa ela recebe um polimento e uma camada protetora, resultando em um revestimento que reflete a luz. 

Devido a essa camada protetora e o alto brilho, esse tipo de revestimento é muito escorregadio. Por isso, não é recomendado para áreas úmidas, como banheiro e varanda. Sendo assim, opte por aplicar o revestimento nas salas ou quartos.

Porcelanato Acetinado 

Como o nome já diz, esse revestimento tem uma textura acetinada, menos brilhosa que o polido. Ele é perfeito para quem curte um estilo mais clean e quer deixar o ambiente mais aconchegante. 

O porcelanato acetinado é resistente a riscos, manchas e é menos escorregadio, podendo ser usado na varanda e banheiro

Porcelanato Esmaltado

O Porcelanato Esmaltado tem uma camada de esmalte em cima do revestimento. Essa técnica permite que ele possa ter várias texturas, como ásperas, lisas, brilhantes e foscas.

Porcelanato Lapado 

A textura desse revestimento está entre o polido e o acetinado, ou seja, não é brilhoso demais, nem fosco em excesso. 

Ele é a opção mais barata para quem gostaria de ter pedras naturais na decoração, pois consegue imitar muito bem a aparência. 

Porcelanato Full HD

Com o desenvolvimento tecnológico na área de decoração e arquitetura, hoje é possível reproduzir a textura de diversos materiais nas superfícies do revestimento. Alguns exemplos são madeira, mármore, pedra e até tijolinhos. 

Outra novidade dentro desse modelo é o Porcelanato Full HD Polido, que consegue reproduzir a textura do mármore e do granito perfeitamente, além de garantir a resistência característica do revestimento. 

O que é PEI e porque ele é importante na hora de comprar o porcelanato?

porcelanato

PEI é a sigla para Porcelain Enamel Institute, que é o instituto que analisa a qualidade do esmalte aplicado no revestimento. 

Então, se você optar pelo porcelanato acetinado ou esmaltado, é importante ficar de olho nesse número. O material é classificado com PEI de 1 a 5. 

Veja o que cada número significa abaixo:

  • PEI 1: É recomendado colocá-lo apenas nas paredes, pois não é resistente a atritos
  • PEI 2: Pode ser aplicado em locais com pouca movimentação e em paredes
  • PEI 3: É ideal para ser colocado nos pisos das áreas internas
  • PEI 4: Pode ser colocado em ambientes internos com mais movimentação, como as áreas sociais do apê
  • PEI 5: É feito para áreas externas e molhadas

Como limpar o porcelanato?

Um dos pontos positivos desse revestimento é que a superfície do revestimento não é porosa. Isso quer dizer que a sujeira não é absorvida pelo material e pode ser facilmente removida. 

Por isso, basta só passar um pano úmido e o produto de limpeza da sua preferência. Se tiver alguma sujeira mais difícil de sair, use uma vassoura ou uma escova com cerdas macias. 

Não use espátulas ou outros objetos cortantes, pois eles podem prejudicar o esmalte aplicado no revestimento. Também não é necessário lavar com muita frequência, já que isso pode causar mofo no revestimento. 

Esses pequenos cuidados devem ser seguidos a risca. Ainda que o porcelanato seja super resistente, uma vez riscado, manchado ou danificado, a peça não tem concerto. 

E aí, o que achou do nosso conteúdo? Se quiser saber mais sobre o porcelanato ou outras pedras para bancada da cozinha, é só assistir o vídeo sobre o assunto no canal Obra Café.

Confira também na Decorati